sábado, 17 de maio de 2008

Plástico ou Papel, que saco!?



Se a sacola de plástico demora muitos anos para se degradar, entretanto a de papel pode implicar em desmatamento. Neste caso em que ambas as escolhas parecem ser prejudiciais ao meio ambiente, fica difícil decidir o que é melhor.

A sacola de plástico biodegradável, comparada com a de papel de origem desconhecida pode até ser uma alternativa mais inteligente.

Como então saber qual a melhor escolha? Tudo depende do impacto que aquele produto causa ao meio ambiente durante toda a sua vida, desde a fabricação até à destinação final.

Existem algumas pesquisas sendo feitas no sentido de medir o impacto ambiental que os produtos causam no meio ambiente. Vale destacar dentre estas a da pesquisadora brasileira, Danielle Maia de Souza, doutoranda pela UFSC, que recebeu um prêmio da ONU por sua pesquisa nesta área (ver mais). Algumas empresas já tem usado essas informações na utilização de embalagens mais eficientes do ponto de vista ambiental.

Então, da próxima vez que aquele seu amigo "eco-chato" lhe condenar por usar um saco de plástico, pergunte se ele tem certeza que a sacola de papel que ele usa é de madeira reflorestada. Porém, certifique-se primeiro que o plástico seja ao menos biodegradável.


(Veja mais sobre plástico biodegradável, ou ainda este aqui)

5 comentários:

Rebecca disse...

oi!
blog legal...
acho que eu sou uma "eco-chata", mas eu não costumo implicar com sacolas plásticas xD
vou voltar aqui mais vezes
flws

Regina Bolico disse...

Oi William!!!
Oieee!!! Que bom que agora sei com que eu tô falando...ou melhor, escrevendo. Gostei desse texto, eu implico com as sacolas plásticas...rsrsrs. Eu lembro que há uns anos atrás se levava a própria sacola ao supermercado, podia ser de tecido ou outro material, até plástico, mas não era esse festival de sacolinhas plásticas. No caso dos sacos de papel, sou a favor da reciclagem. Seria um absurdo ter que matar árvores para esse fim.
Mais uma vez agradeço a visita ao meu blog.
Um abraço.

Dora disse...

Ainda bem que se pode continuar usando os saquinhos de plástico sem agredir tanto o meio ambiente... porque saquinho de papel é um saco!!! =]
Cheiro grande, moço ambientalista.

Jessé Júnior disse...

Aew cara... discussão importante. O impacto que as sacolas fazem é notório. Sinto bem isso quando guardava a feira do mês(sobravam sacola pacas!!!). Mas acho que minha opinião enfatiza bem a polêmica, pois pra mim as boas e velhas sacolas de nylon que minha avó usava pra fazer a feira ensinam ecologia. Não pelo material, como o foco da discussão, mas pela filosofia. Acho que se todos levassem embalagens reaproveitáveis para o supermercado, feira ou mesmo para a padaria, teríamos segurança da higiene (porque a responsabilidade seria particular a cada um), além de contribuir ecologicamente para o meio ambiente. Além dos produtos poderem ficar mais baratos, devido ao impacto na diminuição de despesas dos referidos fornecedores... Bom.. é só uma idéia...

Jessé Júnior disse...

Ei. soh pra constar... dá uma lida lah no meu... tem um post sobre o tema.