domingo, 20 de julho de 2008

Os chuveiros elétricos estão com os dias contados?!




O Brasil não está entre os países do mundo que mais consomem energia tais como os EUA e Austrália, entretanto, de 1991 a 2000, houve um crescimento no consumo de energia per capita de 24%, enquanto estes outros aumentaram 14% e 18% respectivamente.

Vale destacar que 46% da energia elétrica produzida no Brasil é consumida por edificações dos setores residencial, comercial e público.

Por estes motivos e também devido à crise energética global, o governo estuda normas e regulamentos para tornar as edificações mais racionais no consumo de energia.

Não é de hoje essa preocupação, pois o INMETRO já possui um selo de eficiência energética para os aparelhos eletrodomésticos. Porém, o objetivo agora é tornar a edificação como um todo mais eficiente do ponto vista do consumo de energia.

Sistemas de aquecimento de água com base em energia solar, reúso de águas servidas e construções com iluminação natural e conforto térmico mais eficientes (menor necessidade de iluminação e climatização artifical) devem se tornar ferramentas obrigatórias para que os construtores possam cumprir as exigências que estão por vir.

Só espero que estas idéias não fiquem só no papel, mas que sejam colocadas em prática o mais breve possível. O planeta agradece!

Fonte: Roberto Lamberts, Joyce Carlo - LabEEE/UFSC

2 comentários:

Dora disse...

Essas coisas são muito importantes sim, mas não creio que aconteçam rapidamente. As pessoas precisam mudar as mentalidades. Isso leva tempo e nesse caso, também pode demandar um pouco mais de dinheiro pelo menos no que diz respeito ao investimento inicial. Acho que tem que haver uma conscientização de quanto se pode economizar ao longo do tempo melhorando também as condiçoes ambientais. Hoje em dia, as pessoas são imediatistas. Talvez seja a maior dificuldade. Por outro lado, meio-ambiente e quastões afins, estão na moda. Isso atrai muita gente que nem sequer se preocupa se a Amazônia tem àrvore ou não, mas quer ficar na moda. Preocupe-se.

Osc@r Luiz disse...

Salve William.
Obrigado pela visita e pela gentileza das palavras.
Tenho uma casinha modesta na Chapada dos Guimarães e o aquecimento de água, (inclusive da piscina, porque lá são 800m de altitude e é frio), já são através de absorção de calor solar.
PRecisamos fazer cada um a nossa parte.
Grande abraço!